Sem alterações

Pesquisa no exterior

 Professora da área Ambiental do Campus Inconfidentes desenvolve pesquisa na Austrália

Dentro Materia Foto Selma Pesquisa no ExteriorA professora do IFSULDEMINAS – Campus Inconfidentes, Selma Gouvea de Barros teve a oportunidade de desenvolver pesquisa na Austrália durante seu Doutorado.

A docente realizou seu Doutorado na Faculdade de Engenharia Agrícola na UNICAMP. Foi contemplada com uma bolsa de estudos do programa Ciências sem Fronteiras do CNPq para realizar o estágio de Doutorado Sanduíche, que é um período que se passa em outro país desenvolvendo atividades relativas ao projeto de pesquisa.

“Com a intenção de integrar minha formação em Biologia e a busca de soluções sustentáveis para amenizar contaminações de toxinas de cianobactérias, muito comuns em águas de abastecimento público, meu interesse foi o de buscar grupos de pesquisas que tivessem essa mesma preocupação”, disse Selma.

Pensando em tecnologias sustentáveis, de baixo custo e apropriadas para pequenas comunidades, o projeto de doutorado visou avaliar o uso do coagulante natural de sementes de moringa e da filtração lenta em manta não tecida para remoção desses contaminantes da água.

Na cidade de Adelaide, no Sul da Austrália, a professora Selma realizou pesquisa sobre a biofiltração de água contaminada com cianotoxinas no setor Research and Inovation do Australian Water Quality Centre. Há um interesse muito grande de se estabelecer uma tecnologia confiável para utilizar microorganismos no tratamento de água. O estágio na Austrália foi de Fevereiro a Julho de 2016. A tese foi defendida em 21 de julho de 2017.

“Além da experiência incrível de trabalhar em um laboratório de excelência, com uma equipe fantástica, também consegui melhorar meu nível de Inglês e conhecer pessoalmente o famoso canguru e coala, sem falar nas paisagens exuberantes australianas”, comentou Selma.

Publicado em 13/09/2017

Por Roberto Mendonça Maranho

Ascom - Assessoria de Comunicação